Como Trabalhar de Casa e Cuidar dos Filhos

Como Trabalhar de Casa e Cuidar dos Filhos

Trabalhar em casa com os filhos não é uma tarefa fácil.  Ainda mais meio à pandemia de Covid-19, em que as crianças estão o dia todo em casa por causa das escolas fechadas e o home-office virou uma realidade para muitas de nós. 

 

Nós, mulheres, antes mesmo da pandemia já vivíamos os desafios de conciliar os diversos papéis que temos em nossas vidas : carreira, filhos e família são os principais, mas não os únicos. Da mesma forma somos amiga, filha, esposa, dona de casa… e ainda precisamos cuidar de nós mesmas!

 

No atual cenário em que vivemos, conseguir trabalhar em casa – o home office –  com o filhos sempre por perto está mais desafiador, e assim nós temos que ser ainda mais criativas! 

A vida real de trabalhar em casa com os filhos...

Quem no meio à essa pandemia já passou por momentos de reuniões virtuais ou ligações de trabalho em que o filho está chorando, ou gritando ao fundo: “MAMÃE!!! MAMÃE!!!”? 

Quem já pensou que ia ficar maluca, que dar conta de tudo seria impossível e teve um ataque de choro? 

Nós aqui já. 

 

E aí voltamos para nós mesmas, e sabendo que dá sim para fazer diferente, de forma mais leve, e com planejamento, é possível trabalhar de casa com os filhos por perto, de forma leve, produtiva e sem (muito) stress.  

 

Dividimos com vocês a nossa estratégia para trabalhar em casa com filhos:

  • Organize Seu Dia

    Primeiramente: anote as tarefas, e nesse primeiro momento pode anotar TUDO. Depois você vai refazer essa lista: delegue o que der (sim! Peça ajuda!) e coloque o que é necessário daquele dia: reuniões, ligações, fazer o almoço, trabalhar, ajudar o filho com a lição. Nessa lista tente colocar horário e duração para cada atividade. Não lote o seu dia e nem coloque durações longas demais para cada atividade. É só um norte, um guia, não se preocupe se não der para seguir à risca ou se precisar mudar ao longo do dia. Faz parte e é natural.

  • Alguém pode ajudar?

    Você tem um plano, certo? Sua lista do dia. Se atente para os horários que você precisa estar mais concentrada, ou em silêncio - uma reunião com um super cliente, por exemplo - e veja se nesses momentos tem alguém para ajudar com as crianças - marido, sogra ou mãe se estiverem por perto, alguém que te ajuda em casa. Se não tiver ninguém, sem problemas. Temos estratégias para isso também! Um pouco mais abaixo desse texto!

  • Converse com seu Filho

    Aproveite esse momento para falar com o seu filho sobre o seu trabalho, com uma linguagem que ele entenda, apropriada para idade. Pode ser: "Mamãe trabalha com o computador", "cuidando do bem-estar de outras pessoas", "cuidando da comida". E explique que é importante para você trabalhar, que alguns momentos você precisa de silêncio para se concentrar, e que é uma forma de se ganhar dinheiro para vocês terem as coisas, etc.

Você vai ver que a lista vai sair um pouco do planejado, mas lembre-se que ela é um guia para sua organização e não um checklist. Tenha calma e faça conforme o possível e nada de se cobrar ou se sentir culpada. 

De novo, é só um GUIA. O ideal é que você faça uma tarefa por vez e se concentre nela, mas nem sempre será possível. E está tudo bem se for preciso fazer 2 coisas ao mesmo tempo… 

Terão momentos em que você vai precisar distrair mais o seu filho, para fazer aquela  reunião e ninguém mais pode ajudar. Ou momentos em que apareceu algo que você precisa fazer e se concentrar e precisa deixar os filhos mais “calminhos”. Aí você pode usar essas estratégias que listamos à seguir!

 

Como administrar os filhos quando você precisa trabalhar em casa (técnicas testadas e aprovadas!):

Monte na sua casa um cantinho com canetas hidrográficas laváveis, lápis de cor, papéis coloridos e revistinhas de colorir ou de passatempo – à depender da idade. Se forem maiores e puderem usar tesouras e colas, pegue alguns elementos da natureza (folhas, galhos e flores do chão) e peçam para fazer uma colagem e colorirem depois. Se você for mais desprendida com a sujeira, vale colocar tinta guaxe e uns pincéis, roupa velha nas crianças e forrar o chão com jornal ou plástico. E nesse mesmo local do guaxe, você pode variar com massinha de modelar, e deixar a imaginação deles rolar solta. Eles vão gastar um bom tempo aí. E depois pendure a obra feita por eles na parede – os pequenos ficam todos orgulhosos e com o tempo entendem que esse é o momento deles fazerem coisas lindas para enfeitar a casa. Para deixar ainda mais divertido, coloque um música tranquila para acompanhar o momento. 

Não somos muito fãs das telas para os pequenos, mas às vezes podem ser uma grande aliada. Desde TV – um filme que eles queiram ver – até algum jogo no Tablet. Nós sempre preferimos os jogos educativos para cada faixa etária, do que deixá-los no Youtube, mas isso depende de cada família e contexto. E se você tiver mais de 1 filho pequeno, cuidado para não dar briga se eles estiverem dividindo a mesma tela. Melhor cada um ter a sua, ou se eles já conseguirem seguir “regras”- cada um joga 1 jogo por vez, 5 minutos de cada… – pode dar certo. 

Sempre tenha em algum lugar ao alcance das crianças comidas que eles mesmo se sirvam: biscoito de polvilho, banana, pipoca pronta, alguma fruta já pronta para o consumo. Se bater uma fominha enquanto você está ocupada, eles mesmos já se resolvem. 

E deixe também por perto água ou suco numa garrafinha que não quebre ou derrube. 

Dica quente e que poucos usam! – Coloque um timer para as crianças acima de 6 anos – elas já entendem! Coloque quanto tempo você precisa e mostre para seus filhos. Quando apitar, a atividade deles (e a sua) acaba e você poderá brincar um pouco com eles – a recompensa! Mas não vai colocar muito tempo né? Uma hora no máximo!  

Antes de entrar na reunião ou na ligação importante, dê uma passada com as crianças no banheiro, ou troque as fraldas se ainda for o caso. Não custa nada e pode te poupar de uma interrupção. Pode ser que eles não queiram ir, mas vale a tentativa. Melhor do que 5 minutos depois que você começou a reunião ter de pedir licença porque precisa ajudar alguém à se limpar… E também pode ser que, mesmo fazendo isso, aconteça da mesma forma! Mas vale a tentiva!

Tudo pronto! Vai dar certo?

Claro que, mesmo com essas dicas para distrair as crianças as coisas podem sair do controle e você ser interrompida. Por isso, se estiver numa reunião virtual, fique atenta aos botões de mudo e câmera, e se possível, avise antes que você tem filhos. No momento atual, todos andam mais flexíveis com os momentos de interrupções no Home office, mas não custa nada dar um toque antes. 

 

E quando for interrompida, peça licença e avise de novo seu filho que aquele momento a mamãe não pode ficar com ele, que terá que ser rápido, mas depois vocês poderão brincar e ficar juntos novamente. 

A vida real de trabalhar em casa com as crianças...

A gente aqui já passou por vários momentos engraçados durante o trabalho em casa!  Desde esquecer de desligar o áudio durante a reunião e ouvirem as crianças brigando no fundo com a mãe pedindo (pelo amor de Deus!)  para eles se comportarem, até num video-call um dos filhos aparece pelado atrás porque resolveu trocar de roupa sozinho e não sabe o lado certo da roupa. 

 

Mas aqui na WM Power estamos super acostumadas, essa já é a nossa forma de trabalho: somos mães e as crianças estão por perto. 

 

Deixamos nossas clientes super à vontade com os seus filhos – frequentemente uma cliente precisa acudir o filho, ou na video-call o filho está presente no colinho da mãe (fofo!). 

casa trabalho filho

Ainda mais que sabemos do dia a dia corrido da mulher, e que vocês precisam falar com a gente enquanto estão fazendo comida e/ou olhando as crianças ao mesmo tempo. 

 

Enfim…  tá tudo bem, dá certo também e a gente se organiza para atender vocês da melhor forma. 

 

Sem culpa, sem pressão, com acolhimento, carinho e leveza para dar certo para vocês.

 

Clica aqui e fale com a gente!

Deixe um comentário!